quinta-feira, 3 de abril de 2008

"especialidade da casa".. a provocação..

A Susana tinha arranjado um quarto no Marquês e estava com pressa de ir embora.


"A gente vê-se por aqui.."..

Mal ela saiu atirei-te a mão à "salada", enfiei-te a língua no ouvido e murmurei..."sabes, a zona das relações públicas é tão calma e o gabinete onde ela está, então, é tão pequeninho e recatado, faz um género de uma curva...". Senti-te logo a perder espaço nas calças. Abraçaste-me, já com tesão no olhar, as tuas mãos no meu rabo.."pois é para lá mesmo que vamos, logo, desde sábado que não te como..ah..princesa..aquela cena de Braga não é para repetir..nada de meter outras gajas ao barulho e...coca, então, nem pensar. Combinado?"

Começámos nos maiores melos e "esfreganço". Meto um dedo por entre os botões das tuas calças e esfrego-te o sexo ligeiramente. Provoco-te: "Parece que queres exclusividade". Provocas-me:"Por acaso, mas agora o que mais quero é dar-te a especialidade da casa". E viras-me as costas, entrando na redacção, sem olhar para trás.

Fiquei ali, absolutamente dorida de tanta desejo, encharcada, com o sexo a latejar. A especialidade da casa, não há nada melhor que isso. Não há nada que tu faças melhor..

Já não consegui estar quieta. Fui ajudar a "miss orange" com a reportagem das lampreias e, então, lembrei-me de mais uma provocação. Fui à casa de banho, tirei a tanga, amassei-a até passar despercebida na minha mão fechada e dirigi-me a desporto. Atirei-a disfarçadamente para o teu colo e disse-te ao ouvido:

-Quando puderes cheira essa cena para veres em que estado eu estou, cão...
Agarraste-me um braço, puxaste-me para ti e sussurraste-me, entre dentes:
-ah, cabra...
Dirigi-me para o meu lugar, devagar, muito direita, com a cara a arder...
tenho que ter cuidado, não tenho tanga e estou de saia...
Sentei-me muito direita e olhei-te disfarçadamente..os teus olhos chispavam de desejo..
coitado de ti, lá te aguentaste como pudeste..
lembras-te querido?
que tesão.....

3 comentários:

Noivo disse...

ufa ufa, é mesmo!

QJ disse...

a mim nunca me ofereceram assim uma tanga cheirosa...

atp disse...

Susana não. Dá-lhe outro nome.
Susana? Não, por favor.